comentar
gargolado por westnelson, em 31.05.09 às 03:36 link do gargol | favorito

Depois deste aqui está, e para grande surpresa minha, mais um Verdadeiro Delito de Opinião.

 


comentar
gargolado por westnelson, em 27.05.09 às 10:50 link do gargol | favorito

A praia da Nazaré recupera a Bandeira Azul perdida em 2007, facto que impediu o Município de se candidatar ao galardão em 2008, apesar de todos os critérios de qualidade ambiental terem sido cumpridos. Foram atribuídas mais 30 bandeiras que no ano passado, num total de 226 zonas balneares contempladas - o maior número de sempre. Os concelhos com praias vizinhas, tanto a Norte (Alcobaça e Mª Grande), como a Sul (Alcobaça), não têm qualquer bandeira azul, ora por não se terem candidatado, ora por falta dos critérios de atribuição.

Actualmente, Portugal é o segundo país com mais Bandeiras Azuis atribuídas, num conjunto de 47, ficando apenas atrás da Irlanda.

Curiosamente, a 'Bola Nívea'  também regressou este ano, tendo já sido colocada no passado dia 22 de Maio de 2009 depois duma abstinência de uma época.

E claro, a praia fica muito mais alegre com uma bandeira azul e especialmente com a Bola Nívea. Só o tempo é que não tem colaborado. A ver se é desta - hoje está tempo bom, não obstante o ventinho chato que se faz sentir.

 


comentar
gargolado por westnelson, em 24.05.09 às 00:02 link do gargol | favorito

CAR - O Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, Laurentino Dias, presidiu à cerimónia de apresentação do Centro de Alto Rendimento de Surf da Nazaré, que se realizou este sábado, dia 23, tendo sido atrasada pouco mais de  uma hora, provocada pela falta de energia que se fez sentir em toda a Vila, dificultando o ínicio da referida cerimónia. A sessão, que teve lugar no auditório da Biblioteca Municipal da Nazaré, contou com a presença, entre outros convidados, do presidente do Instituto de Desporto de Portugal (IDP), Luís Sardinha, do presidente da Federação Portuguesa de Surf  [que tomou posse exactamente antes desta cerimónoia), João Guilherme Bastos, e da atleta Rosa Mota, muito saudada pelo público. Este CAR será um dos sete distribuídos ao longo da costa Portuguesa - Peniche (apresentado no passado dia 14 de Fevereiro), Nazaré (23 de Maio), Almada, Aveiro, Sintra, Viana do Castelo e Vila do Bispo.

 

Arte Xávega - Foi por pouco que voltava a não realizar-se a recriação de uma arte de pesca antiga, com o alar das redes e lota de praia, como acontecia nas décadas de 30 e 50 do século passado. Depois da data inicial de 16 de Maio, adiada para 23 por falta de condições marítimas, hoje lá se realizou como estava previsto desde aí, embora com a agravante climatérica, tendo a chuva dificultado todo o processo, principalmente, durante a recriação da lota de praia, onde se fez sentir uma precipitação acentuada. Mas como quem corre por gosto não cansa... lá estava aquele pessoal todo a regarem as hortas que traziam às costas. O pescado, além de não ser 'por aí além', ainda deu para ver como era antigamente - Sardinha, Carapau, bogas, cavala, sarda, peixe agulha, corvina e uma raia - Os turistas presentes, e ainda eram alguns, agradeceram todo o espectáculo. Para o próximo Sábado há mais. Chui...!


comentar
gargolado por westnelson, em 23.05.09 às 03:39 link do gargol | favorito

 

É já amanhã, Domingo, 24 de Maio de 2009, que vai acontecer a 1ª degustação de Carapaus Secos na praia da Nazaré em frente da Avenida Vieira Guimarães. O 'Comes e Bebes' está inserido nas comemorações do 'Mês do Mar' e é organizado pela ACISN com a colaboração, como não podia deixar de ser, da CMN.  Tudo muito bem explicado aqui e aqui.

 


comentar
gargolado por westnelson, em 21.05.09 às 23:09 link do gargol | favorito

A palestra desse final de tarde, de tão intimista, tornou-se numa agradável conversa, mais tarde, apenas entre cinco, depois quatro pessoas [já na rua]. Quero deixar aqui o meu agradecimento ao Dr. Jorge Lopes, director da biblioteca – pela oportunidade –, ao Dr. Carlos Batista, antropólogo – pelo abandono da minha quase total ignorância naquela matéria, sobre gente do mar, que me fascinou – e, a José Miguel Neto, Comandante do Porto da Capitania da Nazaré – pela disponibilidade e prontidão com que me explicou alguns assuntos referentes a outras problemáticas que, partindo do assunto inicial [farol da Nazaré – Forte de S. Miguel Arcanjo] se alongou por outros domínios referentes à Nazaré, sempre no âmbito da sua esfera de acção. Obrigado a todos.

 


comentar
gargolado por westnelson, em 21.05.09 às 19:15 link do gargol | favorito

Vem o post anterior a propósito da palestra sobre os faróis que teve lugar na passada terça-feira, 19 de Maio de 2009, pelas 18 horas, no auditório da biblioteca municipal da Nazaré com uma capacidade para quase uma centena de pessoas, evento que se realizou no âmbito da inauguração da exposição sobre o “Farol” e onde estiveram presentes seis pessoas, 7 % da capacidade do auditório. O antropólogo, Dr. Carlos Batista (Geota/leaderoeste) foi o orador, tendo como base de discurso o seu livro “Guardiães do litoral oeste” onde abordou o tema “faróis” sob o ponto de vista humano, de quem neles trabalhava e habitava. Uma abordagem mais desconhecida do que se possa imaginar à primeira vista, mesmo para aqueles que, de alguma forma, estão ligadas às coisas do mar. Aliás, como o próprio disse a certa altura daquela [quase] conversa entre amigos que durou mais de duas horas, tendo-se arrastado até à rua e já depois do fecho da biblioteca, os faróis mesmo automatizados e sem a funcionalidade útil que tinham, muito devido à evolução da tecnologia hoje usada, continuam a ser um forte componente marítimo com elevada carga simbólica de tão acolhedor que é para as gentes do mar, além de encerrarem um certo misticismo.

 


comentar
gargolado por westnelson, em 21.05.09 às 18:58 link do gargol | favorito

Depois de se ter um espaço como a da biblioteca municipal da Nazaré, onde, e muito bem, têm acontecido inúmeros eventos culturais, a autarquia não se pode dar ao luxo de continuar a agir como se a biblioteca existisse apenas, e porque tem um excelente auditório, para conferências e reuniões mais ou menos informais, entre outros eventos que, sendo necessários, podiam ou não ser realizados naquele espaço. E ainda bem que o são. Tiram partido de um equipamento de bom nivel, com uma boa acessibilidade e  de fácil estacionamento. O problema é que a divulgação dos eventos verdadeiramente culturais são feitos de maneira deficiente. Não basta fazer uns desdobráveis e uns cartazes para fixa-los no próprio local do evento. Há que dinamizar a divulgação dos eventos culturais, fazendo tudo isso e muito mais. A divulgação deve ser feita, não só local do evento, mas também nos bares, no comércio em geral, nas escolas, na rádio Nazaré [de outra forma, porque não bastam duas vezes por dia, e “quando o rei faz anos”]. Já se pode solicitar  no site da autarquia, gratuitamente, os avisos dos eventos por sms. Isto é excelente. Só recebe quem quer por meio de solicitação. Mas, até aqui há aspectos a serem melhorados. Por exemplo, recebi as sms´s de todos os eventos do mês de Maio ainda em Abril. Errado. Caíram em catadupa uma dúzia de sms’s com os eventos tanto do dia 1 como do dia 31. Isto faz com que as pessoas se esqueçam de algumas datas. As sms’s deviam ser enviadas com uns dias de antecedência em relação ao evento em causa e não a granel para o mês completo e com o timing desajustado. As alterações de datas e cancelamentos, que existiram, não foram contemplados através de sms. Deviam ser!

 


comentar
gargolado por hermeneuticamente, em 15.05.09 às 13:17 link do gargol | favorito

 

És aluno do 10º, 11º ou 12º ano? Queres ter um contacto directo com a investigação científica e tecnológica? Passar uns dias das férias de verão radicalmente diferentes? Sentir o bichinho da Física ou da Química?

 

Os seguintes estágios estão disponiveis:

 

- Aprende Robótica usando Lego Mindstorms;

 

- Nanotecnologia aplicada à libertação controlada de fármacos para aplicações na Medicina Regenerativa;

 

- Fotografia laboratorial: A arte fotogénica no laboratório de química;

 

- “INCISTA - Taguspark: INtrodução à Ciência no IST TAguspark”;

 

- Os Nanomateriais nossos amigos;

 

- Modelação em Oceanografia: Ondas e Correntes;

 

- Um fotão é uma onda ou é uma partícula?;

 

- Com as mãos na massa - ensino experimental da Ciência;

 

- Física dos Plasmas e Fusão Nuclear;

 

- Fazer da Ciência e da Tecnologia a minha, a tua, a nossa linguagem;

 

- Detectores da experiência ATLAS em LHC;

 

- Acontecimentos na experiência ATLAS em LHC;

 

- Determinação das frequências naturais de uma ponte pedonal com um acelerómetro baseado em redes de Bragg em fibra óptica;

 

- Oficina de Robótica;

 

- Introdução experimental às radiações: Experiências básicas de Física nuclear;

 

Contacta a professora Ana Rita Maltez para te informares e se precisas de ajuda no processo de candidatura.

 


comentar
gargolado por westnelson, em 15.05.09 às 03:47 link do gargol | favorito

Ao que parece a Nazaré esteve ontem nas bocas do mundo. Até parecia que tinhamos mudado todos com malas e bagagens para o médio Oriente, por onde a comitiva Papal andou, dando mesmo uma missa campal à minoria (6%) Cristã!

Tal foi o acontecimento que, quando tentei aceder ao Sapo Local (Nazaré, Portugal), só deu mesmo foi Papa, nada de notícias relacionadas com a minha querida terrinha... Bolas!

Mas "menes q'ninguém", o  embaixador de Israel e a sua comitiva, andou por cá, de visita à Nazaré. Ao que parece e segundo as informações oficiais, andou a ver e a conhecer a localidade onde o grupo privado de investidores, que também vieram, vão investir os milhões num hospital de luxo... Quero acreditar... não, acredito mesmo. Será uma realidade em 2012, esperamos nós.

Afinal, quando parecia que Maomé tinha ido à montanha, foi a montanha que foi a Maomé...!

 


comentar
gargolado por westnelson, em 12.05.09 às 00:04 link do gargol | favorito

 

Mais uma vez, Gargol- o blog da Nazaré, vem desta maneira colocar-se ao lado do movimento em prol do Património Cultural da Nazaré e dar o seu humilde contributo para que os Nazarenos e demais, tenham conhecimento da primeira versão das conclusões da Jornada realizada no dia 9 do corrente mês de Maio na Nazaré, como aqui foi devidamente divulgado, subordinada ao tema "Património Cultural e Desenvolvimento Sustentado", que foi aprovada por unanimidade e aclamação pelos presentes.

 

As conclusões assentam em quatro pontos chave que podem ser observados em toda a sua extensão no blog oficial do Património Cultural da Nazaré:

  • Sobre a relevância Histórico-Social [do Caminho Real]
  • Sobre o estudo
  • Sobre a protecção
  • Sobre eventuais projectos de valorização

 


comentar
gargolado por westnelson, em 07.05.09 às 16:04 link do gargol | favorito

O bom tempo apanhou o feriado do dia 1 de Maio e o fim-de-semana passado. Diria mesmo que foi um bom fim-de-semana prolongado. Em consequência disso e do calor que se fez sentir ainda mais além, a praia da Nazaré esteve a abarrotar de gente, mais ainda que naquelas praias da ‘linha’ e do ‘Allgarve’ – «Irra! São sempre as mesmas a aparecer nas notícias das TV’s à hora do jantar.»

Outra consequência dessa outra consequência, a praia a abarrotar de gente, foi tê-la encontrado com bastante lixo. Fiz um pouco de praia no final de Março deste ano e não estava assim, tão suja.

Isto pode ter várias leituras óbvias, mas, talvez ilógicas: A quantidade de pessoas predispostas para vir à praia aumenta com o avançar no tempo em direcção ao estio; O tipo de utilizadores da praia vai-se degradando, até pelo aumento dos mesmos - era desde boions de iogurtes, garrafas de águas, sacos de plástico, restos de comida e até uns chinelos abandonados e um desodorizante de spray eu vi; A falta de recipientes de recolha que, não sendo normal, tem uma explicação lógica e compreensível – A máquina de terraplanagem anda a endireitar a praia que não pode estar ocupada com objectos que dificultem as manobras para nivelar a extensão de areia onde irão montar aquelas imensas filas de barracas, paralela e estrategicamente, alinhadas da terra para o mar; Este não estava tão calmo como no final de Março e em consequência disso trás sempre mais lixo até à linha de água, desde canas, bocados de madeiras, esferovites, cortiças, recipientes ou partes plásticas, sapatos, sapatilhas,  lixos diversos, etc... Vê-se de tudo um pouco!

 

Há que limpar a praia e, sobretudo, há que evitar sujá-la, vandalizá-la. Como utilizador daquele espaço ao qual, duma maneira geral, não se dá o devido valor, não consigo compreender como e porquê há gente que o faz sistematicamente. Por favor, não joguem lixo na praia. A desculpa de não haver, temporáriamente, recipientes de recolha, não justifica. Há sempre uma maneira de dár utilidade aos saquinhos de plástico e aos ecopontos da vila.
 


comentar
gargolado por westnelson, em 06.05.09 às 05:06 link do gargol | favorito

Numa altura em que a política domina a cena nacional e os políticos anunciam as verdades dos factos, as suas verdades, as verdades de cada um. E, há imensas! Tantas são as verdades que ficamos sem saber onde estão as mentiras. A questão que aqui se impõe é saber inverter as ideias e, assim, descobrir, no meio de tantas verdades mentirosas, as verdadeiras verdades. Pessoalmente, poucas ou nenhumas foram as vezes que ouvi um político dizer que errou ou que se arrependeu duma decisão menos correcta, ou mesmo dar razão a um colega duma bancada que não a sua. Pelo contrário. Mas não, os políticos têm sempre razão, a sua razão, logo há imensas razões. Mas que mal tem reconhecer um erro e até dar razão ao adversário político sempre que for caso disso? Só dignificaria quem o conseguisse fazer, a política no geral e, quem sairia sempre a ganhar, por inerência desses actos nobres, eram as populações, o país.

Senhores políticos tenham vergonha, reconheçam quando erram e verão que quando tiverem razão, a verdadeira razão, terão muito mais força para a defender e serão levados em conta. É tudo uma questão de atitude, de coerência e de respeito por vós próprios.





Copyright Gargol 2013 | linhas mestras | gargol@sapo.pt

eXTReMe Tracker
Linhas mestras

gargol@sapo.pt
Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
16

17
18
19
20
22

25
26
28
29
30



pesquisar no Gargol
 
subscrever feeds
gargoladas antigas