comentar
gargolado por westnelson, em 30.11.12 às 17:14 link do gargol | | favorito

Depois de um ano de descontinuação, digamos que, ‘apeteceu-me’ dar por terminada essa descontinuação e voltar a usar este espaço que, na realidade nunca esteve fechado, nem nunca saiu daqui, estando sempre online e disponível para quem o quisesse consultar. Simplesmente não era actualizado. Os pressupostos que o levaram a ser descontinuado estão no post anterior, o post da descontinuação, e, apesar de (em parte) ainda pensar da mesma forma, como já atrás disse, apeteceu-me voltar com o Gargol ao activo. Volto só, contudo, há uma coisa que será diferente. Em vez de fazer convites para integrarem a co-autoria deste blog, que foi criado para ser de vários autores e não só de um, vão passar a ser os próprios interessados a clicarem no link que os levará a que tal aconteça – se é que há interessados. Pois digo-vos, como disse uma vez a alguém que já não está presente entre nós: “O Gargol não fechará por imposições nem por falta de quem nele queira escrever, nem que seja apenas eu a alimentá-lo.” E, assim foi, e assim é. Não o fechei, antes descontinuei-o, deixando a porta aberta para voltar quando achasse que fosse oportuno. E, esse momento é agora...

O Tonhe já não tem o programa na Rádio Nazaré – que, pelos vistos, vai de mal a pior com a direcção a demitir-se em bloco –, já não tem o blog (esse sim, durou pouco tempo, encontrando-se offline) e limita-se às redes sociais – facebook e agora twitter. Vai ser ele a fazer o acompanhamento deste blog directamente naquelas redes sociais. O Gargol foi em tempos aglutinador de bloggers. Chegamos a ser pouco mais de uma dezena, mais coisa, menos coisa. Criaram-se amizades – algumas guerras, também (faz parte, ou não houvesse divergência de ideias, e, isso é salutar) – fizeram-se reuniões e jantares de bloggers de onde saiu a primeira 'blogo conferência' a que demos o nome de Blogconf com moldes muito específicos, sendo a primeira a nível nacional feita daquela forma. E, claro, foi através dele que reunimos a primeira vez para dar início ao projecto “Vai Ó Mar Tonhe!”, aliás, sendo o Gargol a primeira ‘cabana do Tonhe’. Por tudo o que recebi do Gargol, e não está aqui tudo, nem pouco mais ou menos, directa ou indirectamente, o balanço que faço agora a frio, um ano após a sua descontinuação, é positivo, só podia ser. Mais havia para dizer, mas, para um post de reabertura acho que já está bem assim.

Só mais um pormenor. Sendo o Gargol um blog redireccionado essencialmente para a região da Nazaré, deixem-me dizer apenas que, muito do que nele foi escrito, publicado e partilhado contínua actual. Demasiado actual. Mesmo após um ano de inactividade. Esperamos que daqui a um ano eu não possa dizer a mesma coisa. Amen.





Copyright Gargol 2013 | linhas mestras | gargol@sapo.pt

eXTReMe Tracker






Linhas mestras

gargol@sapo.pt
Julho 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

28
29
30
31


pesquisar no Gargol
 
.
gargoladas recentes
gargoladas antigas