comentar
gargolado por westnelson, em 06.06.09 às 22:13 link do gargol | | favorito

Um artigo do último número (05/06/09) do Região de Leiria dá conta, pelas palavras do presidente da Câmara Municipal de Peniche, de que as gaivotas são as principais culpadas da atribuição de ‘má qualidade’ à água das Berlengas.
Depois de ler vários artigos relacionados, concordo em parte com o senhor presidente, discordando exactamente onde ele se contradiz - Pois subtrair pontos de alimentação é erigir uma mortandade, embora compreenda que deva ser feito alguma coisa no sentido do controlo da natalidade das gaivotas. Será que bastaria a eliminação de ovos dos ninhos?

 


comentar
gargolado por westnelson, em 27.05.09 às 10:50 link do gargol | | favorito

A praia da Nazaré recupera a Bandeira Azul perdida em 2007, facto que impediu o Município de se candidatar ao galardão em 2008, apesar de todos os critérios de qualidade ambiental terem sido cumpridos. Foram atribuídas mais 30 bandeiras que no ano passado, num total de 226 zonas balneares contempladas - o maior número de sempre. Os concelhos com praias vizinhas, tanto a Norte (Alcobaça e Mª Grande), como a Sul (Alcobaça), não têm qualquer bandeira azul, ora por não se terem candidatado, ora por falta dos critérios de atribuição.

Actualmente, Portugal é o segundo país com mais Bandeiras Azuis atribuídas, num conjunto de 47, ficando apenas atrás da Irlanda.

Curiosamente, a 'Bola Nívea'  também regressou este ano, tendo já sido colocada no passado dia 22 de Maio de 2009 depois duma abstinência de uma época.

E claro, a praia fica muito mais alegre com uma bandeira azul e especialmente com a Bola Nívea. Só o tempo é que não tem colaborado. A ver se é desta - hoje está tempo bom, não obstante o ventinho chato que se faz sentir.

 


comentar
gargolado por westnelson, em 23.05.09 às 03:39 link do gargol | | favorito

 

É já amanhã, Domingo, 24 de Maio de 2009, que vai acontecer a 1ª degustação de Carapaus Secos na praia da Nazaré em frente da Avenida Vieira Guimarães. O 'Comes e Bebes' está inserido nas comemorações do 'Mês do Mar' e é organizado pela ACISN com a colaboração, como não podia deixar de ser, da CMN.  Tudo muito bem explicado aqui e aqui.

 


comentar
gargolado por westnelson, em 07.05.09 às 16:04 link do gargol | | favorito

O bom tempo apanhou o feriado do dia 1 de Maio e o fim-de-semana passado. Diria mesmo que foi um bom fim-de-semana prolongado. Em consequência disso e do calor que se fez sentir ainda mais além, a praia da Nazaré esteve a abarrotar de gente, mais ainda que naquelas praias da ‘linha’ e do ‘Allgarve’ – «Irra! São sempre as mesmas a aparecer nas notícias das TV’s à hora do jantar.»

Outra consequência dessa outra consequência, a praia a abarrotar de gente, foi tê-la encontrado com bastante lixo. Fiz um pouco de praia no final de Março deste ano e não estava assim, tão suja.

Isto pode ter várias leituras óbvias, mas, talvez ilógicas: A quantidade de pessoas predispostas para vir à praia aumenta com o avançar no tempo em direcção ao estio; O tipo de utilizadores da praia vai-se degradando, até pelo aumento dos mesmos - era desde boions de iogurtes, garrafas de águas, sacos de plástico, restos de comida e até uns chinelos abandonados e um desodorizante de spray eu vi; A falta de recipientes de recolha que, não sendo normal, tem uma explicação lógica e compreensível – A máquina de terraplanagem anda a endireitar a praia que não pode estar ocupada com objectos que dificultem as manobras para nivelar a extensão de areia onde irão montar aquelas imensas filas de barracas, paralela e estrategicamente, alinhadas da terra para o mar; Este não estava tão calmo como no final de Março e em consequência disso trás sempre mais lixo até à linha de água, desde canas, bocados de madeiras, esferovites, cortiças, recipientes ou partes plásticas, sapatos, sapatilhas,  lixos diversos, etc... Vê-se de tudo um pouco!

 

Há que limpar a praia e, sobretudo, há que evitar sujá-la, vandalizá-la. Como utilizador daquele espaço ao qual, duma maneira geral, não se dá o devido valor, não consigo compreender como e porquê há gente que o faz sistematicamente. Por favor, não joguem lixo na praia. A desculpa de não haver, temporáriamente, recipientes de recolha, não justifica. Há sempre uma maneira de dár utilidade aos saquinhos de plástico e aos ecopontos da vila.
 





Copyright Gargol 2013 | linhas mestras | gargol@sapo.pt

eXTReMe Tracker






Linhas mestras

gargol@sapo.pt
Julho 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

28
29
30
31


pesquisar no Gargol
 
subscrever feeds
.
mais comentados
gargoladas antigas