comentar
gargolado por westnelson, em 03.07.10 às 12:52 link do gargol | | favorito

«Câmara da Nazaré e BES celebram protocolo para criação do Cartão Municipal»

«Realiza-se no próximo dia 9 de Julho, às 15.30 horas, no Salão Nobre dos Paços de Concelho, a cerimónia de assinatura de um protocolo a celebrar entre o Município e o Banco Espírito Santo (BES).
Este protocolo tem por objecto a colaboração entre as duas entidades para a implementação do Cartão Municipal, que vai possibilitar o acesso dos munícipes a um variado conjunto de serviços da autarquia, de forma cómoda, fácil e rápida.»
in Site do município da Nazaré

E eu a pensar que era ao contrário, que era para os munícipes terem acesso de forma cómoda, fácil e rápida aos serviços daquele banco, ou mesmo as duas condições. Isto só demonstra o quão complicado é o acesso dos munícipes aos serviços da autarquia - até é preciso um cartão!
Mas, mesmo assim, as questões impõem-se:

Será que há alguma forma no meio disto tudo para que a autarquia resolva o assunto referente ao "Incentivo à Natalidade", coisa que só fez até às eleições autárquicas - Outubro de 2009. Depois disso, já lá vão nove meses e mais nenhum nascimento foi incentivado. Já agora, "Incentivo" pressupõe "à priori", "à posteriori" que é o que conta aqui, devia ser uma "Ajuda" ou outra coisa qualquer [à natalidade]. Será que quem aceda áquele cartão recebe mais depressa, mais fácilmente e de forma mais cómoda o tal Incentivo à Natalidade?

 

Nestes tempos de crise financeira será que o cartão vai dar direito a que o seu utilizador tenho créditos a fundo perdido naquela instituição bancária? 

Será que a autarquia também pode fazer um cartão com o crédito necessário para tapar o buraco financeiro do município? 





Copyright Gargol 2013 | linhas mestras | gargol@sapo.pt

eXTReMe Tracker






Linhas mestras

gargol@sapo.pt
Julho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16

19
22
23

25
26
27
28
30
31


pesquisar no Gargol
 
.
gargoladas antigas