comentar
gargolado por westnelson, em 21.07.09 às 20:09 link do gargol | | favorito

Se por um lado a PSP deixa abusar a bom abusar do estacionamento aos fins de semana por notória falta de estacionamentos periféricos com apoio de transportes urbanos a toda a hora, por outro lado, não o devia deixar fazer. Não se respeitam as passadeiras, os sinais de trânsito, os passeios, os peões que somos todos nós, onde todo e qualquer tipo de estacionamento é permitido, para depois, num repente sem critério algum além da vontade de quem decide e chefia homens, muitas vezes mal preparados e eles próprios com poder de decisão sem critério definido, puxarem das pastas e desatarem a multar os infractores dos abusivos estacionamentos que, ontem até eram permitidos, apesar das leis do código da estrada, e hoje, assim de repente, deixaram de ser porque se tem de cumprir com o código da estrada e o critério, ontem, inaplicável, hoje, é aplicável porque vem nas normas estabelecidas.
 

Como se pode ver nas imagens, no Domingo o estacionamento na zona Norte da Nazaré estava péssimo, selvagem até! Os passeios eram o melhor sítio para parquear viaturas, os sinais de trânsito não interessavam para nada e as passadeiras (?), cagavam-se nelas! Não vi um único agente da PSP a colocar alguma ordem no caos. Mas vi cinco “fardas”, imigrantes de Leiria incluídos, com as mãos nos bolsos à porta da esquadra a apreciar as meninas que passavam e uma viatura azul e branca com a lotação esgotada, toda a tarde às voltas pela marginal, onde os ocupantes se distraiam a “ver as vistas!”

No dia seguinte, nem parecia que estávamos na mesma localidade. Apesar de uns “abusadores de ocasião”, até se podia circular “à pata” pelos passeios e atravessar nas passadeiras sem grandes problemas de acesso às mesmas. Ainda assim consegui encontrar algumas, diga-se, muitas excepções, que vêm confirmar a regra. E esta regra, não é mais que uma constatação de factos: Ao fim de semana “tá a palecada acamada!”; durante a semana, nada. E, mesmo aqueles que vêm à praia, fazem-no apenas com esse intuito. Permanecem durante o dia, trazem tudo e mais alguma coisa, como se viessem para ficar por quinze dias. Quando o “Sunset Beach” atinge o auge, é hora de agarrar na família, na tralha toda, pegar na viatura e “bazar”, porque a auto-estrada transforma o longe em perto e, apesar de cara, até fica mais barata que uma casa alugada ou que uns chambres para meia dúzia de dias.

 


re21 a 21 de Julho de 2009 às 22:14
West, não é só a A8, se viesses para passar férias na Nazaré no dia 3 de Julho como veio um casal amigo e te pedissem como  pediram a esse casal 70 euros noite por um T1 de aluguer o que é que tu fazias? certamente farias o que esse casal fez, Algarve, Tavira, T1 45 euros noite, piscina, ténis, e outras regalias dia.É preciso que as pessoas da nazaré olhem para o seu umbigo, e mandem à m... quem diz que se vai despejar os baldes de merda à praia...

westnelson a 22 de Julho de 2009 às 10:29
Bem re21, eu falei na auto-estrada (A8) apenas como exemplo, por analogia, porque sei perfeitamente que há muitos outros motivos que afastam os turistas da Nazaré.
A ganância é tanta que em vez de trabalharem em prol da terra e das suas contas bancárias, o efeito é  inverso. E não venha o tal presidente, que muito mal esteve em entrevista a um jornal Nacional, dizer que os preços são em Julho e Setembro de 25 a 27,5 €  e em Agosto 50 a 60€, porque isso é uma pura mentira. GANANCIOSOS(AS)...!




Copyright Gargol 2013 | linhas mestras | gargol@sapo.pt

eXTReMe Tracker






Linhas mestras

gargol@sapo.pt
Julho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
14

19
20
23
24
25

26
27
30


pesquisar no Gargol
 
.
gargoladas antigas